Pages

1 de jul de 2009

Segurança em discussão no IFF


Foto: Eric Carvalho

VÁRIAS AUTORIDADES - Estiveram ontem no evento
Valquíria Azevedo


A 1ª Conferência livre “Juventude e Segurança Pública” foi realizada na manhã de ontem, no auditório Reginaldo Rangel, no IF Fluminense, antigo Cefet, em Campos. No evento, que reuniu autoridades e estudantes secundaristas e universitários, para uma discussão sobre o crescimento da violência, também, aconteceu a eleição dos representantes do município que participarão da Conferência Estadual de Segurança Pública, marcada para os dias 15 até 18 de julho, na capital carioca.

Organizada pela União da Juventude Socialista (UJS), a conferência, contou com a participação do comandante do 6º Comando de Policiamento por Área (6º CPA), coronel Gelesi Ribeiro Vieira; do aspirante Thiago Batista Guimarães, representando o 8º Batalhão de Polícia Militar (8º BPM); do vereador Antônio Marcos da Silva, o Papinha; Mário Lopes, presidente da Fundação Municipal da Infância e Juventude (FMIJ), além do professor do IFF, Jéferson de Azevedo.

Durante o evento, os estudantes puderam relatar fatos envolvendo violência acorrida em seu dia a dia, fazer perguntas para as autoridades e dar sugestões para melhorar a segurança pública do município. Somente, este ano, em Campos, 62 jovens com idade entre 15 e 29 anos foram assassinados, de acordo com dados de um levantamento feito pela UJS. Porém, a estatística do Batalhão de Polícia Militar (8º BPM) aponta que 104 homicídios já foram registrados.
— Pudemos perceber que 90% dos homicídios ocorridos são de jovens, que teriam envolvimento com o tráfico de drogas.

Nosso objetivo é evitar que outros jovens entrem para esse caminho que, na maioria, das vezes acontece por falta de oportunidade, lazer e educação. Queremos criar políticas públicas para o jovem campista, pois somente assim poderemos reduzir o índice de criminalidade — disse Jéssica Carvalho, diretora de formação e educação da UJS.

Os estudantes, Luiz Vitor Souza Rodrigues, e Hugo Ribeiro Linhares, 18, foram eleitos delegado e suplente, para representar o município de Campos da Conferência Estadual de Segurança Pública. Entre as solicitações dos estudantes estão mais oportunidade de emprego e policiamento nos redutos escolares do município.
monitorcampista.com.br

Nenhum comentário: