Pages

2 de jun de 2009

Maestro que desenvolveria Orquestra Municipal de Campos na lista do vôo 447


O maestro Sílvio Barbato, que figura na lista não-oficial dos passageiros do vôo 447 da Air France, desaparecido nesta madrugada, estava inserido num projeto a ser desenvolvido em Campos, pela prefeita Rosinha Garotinho. Assim que soube de seu possível desaparecimento, a prefeita ligou para o ex-secretário de Estado de Ciências e Tecnologia do Rio de Janeiro, Wanderley de Souza, com quem conversou na última semana a respeito do trabalho do maestro, tendo a confirmação de que Barbarto estava no vôo.
- Lamento o que veio a acontecer com o maestro, que tem um belo trabalho. Seria uma honra contar com sua experiência para impulsionar a atividade musical em Campos - disse a prefeita.
A intenção de Rosinha era incluir o maestro no planejamento feito para a pasta da Educação, esboçado em conjunto com Wanderley de Souza. "Campos tem diversas escolas de música e muitos talentos nesta área. Estávamos programando incrementar esta atividade, promovendo cursos de aperfeiçoamento para quem já tem a prática de um instrumento, além de criar a Orquestra Sinfônica Municipal da cidade, junto ao Teatro Municipal Trianon. Barbato ficaria à frente deste projeto", contou.

O próprio Barbato havia planejado cada atividade, que incluía a criação de concursos e festivais envolvendo bandas e outros grupos musicais da cidade. "Ele estava preocupado em garantir um salário digno aos músicos que participassem destas atividades, a fim de valorizar o profissional de destaque neste cenário. Também fazia questão de que as apresentações fossem constantes. Queria que a orquestra divulgasse o município de forma positiva e fosse também, uma opção para tirar os jovens do caminho da ociosidade", declarou a prefeita.
fonte: Secom

Nenhum comentário: