Pages

14 de jun de 2009

Homenagem aos 81 anos de Che Guevara (se estivesse vivo)


É engraçado falar do Che Guevara porque ele permeou alguns anos de minha adolescência, eu vivia comprando diferentes biografias dele para ler e gostava de decorar suas famosas frases. Eu era apenas uma estudante de 16 anos de uma escola técnica estadual de Campos. E sonhava que podia (e queria) mudar o mundo... Na época (2000) fizemos uma passeata que foi da minha escola João Barcelos Martins até ao centro, eramos 400 estudantes marchando e marchando por uma escola melhor, queriamos laboratórios equipados, queriamos uma escola melhor, uma educação melhor, queriamos melhorar o mundo a nosso modo, do nosso jeito. No fim ainda acho que queremos, no fim ainda quero e continuamos tentando...
"Acima de tudo procurem sentir no mais profundo de vocês qualquer injustiça cometida contra qualquer pessoa em qualquer parte do mundo. É a mais bela qualidade de um revolucionário."
"Os poderosos podem matar uma, duas ou três rosas, mas jamais conseguirão deter a primavera inteira."
"DEVO DIZER, CORRENDO O RISCO DE PARECER RIDÍCULO, QUE O VERDADEIRO REVOLUCIONÁRIO É MOVIDO POR UM GRANDE SENTIMENTO DE AMOR."
"MUITOS DIRÃO QUE SOU AVENTUREIRO E SOU MESMO,SÓ QUE DE UM TIPO DIFERENTE,DAQUELES QUE ENTREGAM A PRÓPRIA PELE PARA DEMONSTRAR SUAS VERDADES."
O Nascedor
Por que será que o Che
tem esse perigoso costume
de seguir sempre renascendo?
Quanto mais o insultam,
o manipulam o tradicionam, mais renasce.
Ele é o mais renascedor de todos!
Não será porque o Che
dizia o que pensava, e fazia o que dizia?
Não será por isso,
que segue sendo tão extraordinário,
num mundo em que
as palavras e os fatos raramente se encontram?
E quando se encontram,
raramente se saúdam,
porque não se reconhecem?
Eduardo Galeno (Uruguai)
Pra encerrar deixo um video com imagens de Guevara para os admiradores do revolucionário.

video

Um comentário:

Herval Junior disse...

Bela postagem, Jéssica. Che continua vivo para aqueles que acreditam num terceiro mundo sem desigualdades sociais.Vale lembrar que Che não foi apenas um mártir ou herói latino americano.Ele lutou por povos africanos também e formou 2 ou 3 grupos guerrilheiros naquele continente cheio de miséria.